Cordel do Fogo Encantado abre hoje a VI Bienal de Cultura da UNE em Salvador

Do ATarde Online
Por Cláudia Lessa

Uma eclética programação marca a VI Bienal de Cultura da União Nacional dos Estudantes (UNE), que começa nesta terça, 20, e prossegue até 25 de janeiro, em Salvador. Ritmos e sotaques diferentes dão a tônica nos shows gratuitos, no Largo do Pelourinho. Cordel do Fogo Encantado, Marcelo D2 e Alceu Valença estão entre as atrações.

Considerada o maior festival de arte estudantil da América Latina, a Bienal da UNE, este ano, abre espaço para trabalhos estudantis nas áreas de artes cênicas, música, literatura, ciência e tecnologia, cinema e artes visuais. Outra novidade é que estudantes secundaristas e pós-graduandos também poderão participar do Festival.

O encontro, que conta com a parceria da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, através do Programa Pelourinho Cultural/IPAC, deverá receber mais de dez mil alunos de todo o Brasil, além de 20 delegações de outros países.

A abertura do encontro será na Sala Principal do Teatro Castro Alves, às 18h, desta terça. Em seguida, às 19h, no Campo Grande, está prevista a saída do trio elétrico Armandinho Dodô & Osmar em direção à rua Chile. A partir das 22 horas, o show ficará por conta do Cordel do Fogo Encantado, no Pelourinho.

Quarta, dia 21, o convidado é Diogo Nogueira, que traz a cadência do samba carioca para palco baiano. Na mesma noite, o pagode do Fantasmão dá continuidade à festa sonora. Marcelo D2 é o esperado da quinta, 22, que traz o show Arte do barulho. No dia seguinte, sexta, 23, Margareth Menezes e o rap Renegado são os convidados. A noite também recebe o grupo de sopro e percussão Orquestra Rumpilezz. O sábado, penúltimo dia da Bienal, o som fica sob o comando de Alceu Valença e o dj Marcelinho (hip hop).

Personalidades como o cineasta Nelson Pereira dos Santos – que irá participar do debate Cinema Brasileiro, no dia 22, às 14h – e o artista plástico Cildo Meirelles marcarão presença nas mesas-redonda. Artistas e grupos irão se apresentar por vários pontos da cidade, como Pelourinho e Passeio Público.

Estarão presentes ainda Sérgio Mamberti (MinC), Paulo Abraão (Comissão de Anistia), Isamel Cardoso (presidente da UBES), Hugo Valadares (presidente da ANPG). além do ex-presidente da UNE Aldo Arantes (1961/62), entre outros.

Os debates serão pautados pelo tema Raízes do Brasil – formação e sentido do povo brasileiro. Abordagem esta que, para os organizadores do encontro, tem completa ligação com a história de Salvador. Daí a cidade ter sido escolhida – pela segunda vez (a primeira foi em 1999, na ocasião da I Bienal) – para abrigar o evento.

Exposições artísticas, culturais e acadêmicas estão previstas na Bienal, cuja programação completa pode ser checada no site da UNE.

AGENDA MUSICAL

*Os shows acontecem no Largo do Pelourinho, sempre a partir das 22h, gratuitos, com exceção da apresentação de Alceu Valença, que será no Jardim de Alah, no mesmo horário.

Terça, 20 – Trio Armandinho, Dodô e Osmar / Cordel do Fogo Encantado

Quarta, 21 – Diogo Nogueira/ Fantasmão / Coisas de Berimbau

Quinta, 22 – Marcelo D2

Sexta, 23 – Margareth Menezes / Renegado / Orquestra Rumpilezz / Renegado

Sábado, 24 – Alceu valença / Dj Marcelinho

Domingo, 25, 10h – Culturata, de Ondina-Barra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: