Travesti eleito vereador em Salvador

Por Franco Adailton – o Francolino

Leo Kret do Brasil quer igualar trajetória do presidente Lula

Prova do descrédito popular, muita vezes incentivado pela mídia, ao qualificar a política e os políticos como “farinha do mesmo saco”, o travesti Leo Kret do Brasil (PR) abocanhou uma vaga na Câmara dos Vereadores de Salvador, ficando em quarto lugar com 12.861 votos. Assim como ele (ou ela), recentemente, o Brasil assistiu a eleição de Clodovil Fernandes para a Câmara dos Deputados, deixando os que ainda acreditam na política perplexos.

Saída do bairro de Pernambués, Leo Kret ficou popular com o grupo de pagode Saiddy Bamba, onde atua como dançarina. Ela, que afirma querer ser “presidenta” do Brasil, fez campanha a maior parte do tempo ao lado do candidato “democrata” ACM Neto, que ficou pelo caminho.

Não tive oportunidade de assistir nenhum dos seus comícios, mas, acompanhando pela mídia, pude ver que os argumentos de Leo Kret, para justificar sua candidatura, eram bem convincentes: pão e circo para o povo. Jogava para a torcida, rebolando mais do que as mulheres ali presentes. Surpreendente o resultado? Pode ser que sim, mas, do jeito que as coisas estão, era de se esperar.

A questão não é a capacidade (ou falta dela) de Leo Kret ocupar um cargo na Câmara de Salvador, mesmo porque, no Brasil, analfabetos votam e são eleitos para o executivo. Se trata da falta de um projeto político sério, atuante, que realmente represente os interesses públicos. Mas, como disse Gilberto Gil, certa feita, “o povo sabe o que quer, mas também quer o que não sabe”.

Como as eleições, para alguns, ainda são encaradas como uma loteria e, às vezes, parece uma gincana escolar, em clima de “ôba-ôba”, Leo Kret “jogou o barro” (arriscou, como se diz aqui na Bahia) para ver se grudava. E grudou. Tanto que ficou famosa e rendeu matéria no Terra Magazine, além de outros veículos Brasil afora. Basta dar uma procurada pelo Google.

Nada contra a opção sexual de Leo Kret (longe de mim!), afinal, a democracia prega o princípio da diversidade. Porém, assim como as letras da maioria dos “pagodões” aqui da Bahia, que não têm o mínimo de conteúdo que seja aproveitado, com Leo Kret, não será diferente. Sua eleição, em analogia à análises feitas por cientistas políticos, em relação à de Clodovil, se caracteriza como o “voto de protesto”. E que protesto.

Agora, é esperar para ver…para legislar, Leo Kret vai ter que rebolar e, se depender disso, seu mandato vai ser um sucesso.

Leia entrevista no Terra Magazine

Anúncios

4 Respostas

  1. Verdade!
    Concordo com Franco Adailton – o Francolino, dise tudo. Mas será que os brasileiros, em geral, querem realmente um projeto sólido? Obras realizadas com sucesso? Melhores condições salarias? Melhores escolas? Ou seja, melhor qualidade de vida? Ou querem prolongar o carnaval por 4 anos? Bom, se querem festa e falta de compromisso sério , já estão no caminha certo.

  2. kret, posso afirmar de forma peremptória q vc significa um icone da luta contra os diversos tipos d preconceito. Sou seu fã, parabéns.

  3. Não digo pela pessoa nem tão pouco por sua opção sexual, mas sim pelo conhecimento e história política que se ausenta na mesma.
    Que seja protesto eu até concordo, mas ao protestar colocar alguem de tal nível para nos representar em uma Câmara de vereadores, isso sim prova o que me deixou irritado ao ver o reitor da Faculdade de Medicina, “Naomar” quando disse que baiano é burro só toca berimbau porque tem apenas uma só corda, veja agora o que o baiano fez?
    Protestou contra uma coisa em um lugar errado, agora se já não tínhamos quem pudesse nos representar políticamente agora é que não temos mesmo.
    Respeito a opinião de todos e argumentos aqui declarado, porém fica aqui registrado o meu protesto contra o protesto!!!

  4. Entendo sua indignação, meu amigo. Só uma correção, quem falou que os baianos tem baixo QI foi Antônio Natalino Dantas, o ex-coordenador do curso de medicina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: